­
relotec@relotec.com.br 034 3253-3333

Impressão Digital

Biometria se refere a tecnologia empregadas para estabelecer a identidade de uma pessoa através de uma característica humana, que ocorre pela mensuração de um traço físico único do indivíduo. O termo deriva do grego, "bios" para vida e "metron" para medida. Por suas características, a biometria tem um amplo campo de aplicações em sistemas que exigem uma identificação segura de seus usuários.

As opções disponíveis em identificação biométrica são tão diversas quanto o próprio corpo humano. Um dos sistemas recentes mais adotados é a identificação por leitura da impressão digital. Em um sistema como esse, a identificação e autenticação do usuário são realizadas através da leitura do registro de sua impressão digital, que é processada e guardada em uma base dados para consulta. O acesso do usuário ao sistema só é liberado se a leitura de sua digital coincidir com o registro da mesma existente na base de dados.

Biometria no Controle de Acesso

Os sistemas biométricos conferem maior segurança de acesso aos ambientes restritos, em comparação com os sistemas tradicionais. Senhas e sistemas convencionais de identificação podem ser facilmente copiados ou forjados.

A identificação biométrica, ao analisar um traço físico do usuário na tentativa de acesso ao ambiente, confere um maior nível de proteção ao sistema, autorizando ou não a passagem deste por meio do acionamento de portas, catracas e torniquetes. Além disso, os mesmos podem ser empregados para o controle de acesso de veículos, controlando o acionamento de cancelas e sistemas de estacionamentos.

Biometria no Controle de Ponto

Os sistemas que empregam biometria também encontram amplo uso no controle de freqüência e ponto de funcionários. Através da identificação biométrica, os registros de entrada e saída de colaboradores são realizados com maior confiabilidade, eliminando o risco de fraude, pois um funcionário nunca poderá marcar o ponto para um outro.